Casamento à vista
01 / 01

Casamento à vista

Cantor Sérgio Solto é o aniversariante de hoje, 11! Ao lado de sua noiva, a advogada Socorro Rodrigues, foi acordado com lauto café da manhã
19 SP_JANEIRO 2018

O pastor Moisés Xavier, vítima de uma bala perdida na região da cabeça, enquanto passava em frente ao antigo prédio da Polícia Federal em direção a uma vigília, se filiou semana passada no PRTB. O partido terá candidato a governador, o locutor Lira Xapuri, e o próprio Moisés poderá ser o vice. “Fala paletó”, como é conhecido o pastor, chegou chegando na nova sigla, depois de passar 15 anos filiado no PPS. Foi recebido com festa e os novos colegas de partido fizeram com ele uma oração, em agradecimento ao milagre na vida dele, que escapou da morte, depois de passar 15 dias na UTI com uma bala alojada na cabeça. O tiro foi disparado por um elemento que executava um viciado na região do Papoco e o pastor passava no local na mesma hora, coincidentemente. “Deus deu o livramento para Ele”, acredita Xapuri, seu novo presidente.     

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
19 SP_JANEIRO 2018

A pré-candidatura a senador do reitor da Ufac, Minoru Kinpara, não deverá mais seguir “solteira”. O partido dele, o Rede, da ex-ministra Marina Silva, poderá se coligar com o PRTB, que tem pré-candidato a governador no Acre, o jovem locutor Lyra Xapuri. As conversas seguem firme entre Xapuri e Carlos Gomes, o ex-candidato a prefeito de Rio Branco pelo Redes, que está em Londres fazendo um curso com mais outros 19 brasileiros, sobre administração e combate a corrupção.

“Nós estamos conversando faz dias e um acordo será bem possível”, afirma Xapuri, que garante ao Rede, além do candidato ao Senado, a vaga de vice. “Eles apontam o vice, também”, assegura. Quanto ao ex-candidato a prefeito Carlos Gomes, seu futuro já está decidido: “Disputo para federal”, afirmou ele ao Blog.      

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
19 SP_JANEIRO 2018

O locutor Lyra Xapuri disse ao Blog do Evandro Cordeiro que o Acre não precisa de políticos, mas de gestores. Lyra é pré-candidato a governador do Estado pelo PRTB, partido que preside com apoio total do presidente nacional, Levi Fidélix. Certamente Xapuri se refere ao suposto “populismo” de Gladson Cameli (PP) e de Marcus Alexandre (PT), esse último reeleito prefeito de Rio Branco sem realizar uma grande obra na capital, apenas usando sua verve política, tomando cafezinho com as pessoas.

“Não há nada de novo na oposição e situação. Nós vamos fazer diferente. E não pensem que as pessoas vão levar minha candidatura para o lado folclórico. Tem muita gente revoltada com a situação e são essas pessoas que virão conosco”, disse o pré-candidato.

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
19 SP_JANEIRO 2018

A Executiva Estadual do PTC decidiu nesta terça-feira, 4, que não vai caminhar com o PRTB, pelo menos se o partido de Levi Fidélix, no Acre, continuar com a ideia de terceira via. Segundo nota dos Trabalhistas Cristãos “não iremos fazer o jogo de alguns partidos que estão buscando apenas barganhar alguma coisa. Nosso grupo está cada dia mais unido em torno de dois nomes: Sanderson Moura, para o Senado, e Júnior Santiago para federal. Além do mais, estamos montando uma chapa competitiva para estadual. Quem quiser se chegar ao grupo terá chances igualitárias de disputar as eleições”, afirmou o porta-voz da sigla, Fagner Calegário.

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
19 SP_JANEIRO 2018

O PRTB, partido que um dia foi do Antônio Gouvêa “Tijolinho”, agora está sendo presidido por uma figura não menos ousada e igualmente comprometida com as frases de efeitos, o locutor de rádio e de lojas Lyra Xapuri. Ele foi em Brasília, assumiu o partido com as benção do presidente nacional Levy Fidelix e voltou picado pela mesma mosca do eterno presidenciável. “Vou ganhar as eleições do Gladson Cameli (PP) e do Marcus Alexandre (PT). Serei o próximo governador do Acre”, afirmou ao Blog do Evandro Cordeiro.

Ganhar do Gladson e do Marcus é para os fracos, conclui qualquer pessoa que tem acesso aos projetos do Lyra Xapuri. Ele vai fazer é uma revolução mesmo. “Meu salário de governador vai ser 80% mais baixo, assim como os dos secretários de Estado”, afirma. E para resolver o calcanhar de Aquiles, a segurança pública, ele tem a receita também: “Mudar os comandos e colocar preso para trabalhar e estudar”.

Se para ganhar a eleição em 2018 o candidato precisa ser novo e ter ideias revolucionárias, messiânicas, ao melhor estilo Jair Bolsonaro, melhor não levar o Lyra Xapuri na brincadeira. Ele chegou chegando.

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard

BANNER PP P