Casamento à vista
01 / 01

Casamento à vista

Cantor Sérgio Solto é o aniversariante de hoje, 11! Ao lado de sua noiva, a advogada Socorro Rodrigues, foi acordado com lauto café da manhã
16 SP_JUNHO 2019

 

Os dirigentes do PTC, Fagner Calegário e Junior Santiago, organizam uma caravana para visitar todos os municípios do Acre, em maioria deles a pedido de militantes locais. A caravana será aberta a todos os pré-candidatos e a novidade será a presença do pré-candidato ao Senado pelo partido, Sanderson Moura. Saiba mais sobre a viagem e sobre o que pensam os meninos do PTC:

Blog - O que vocês pretendem com esse giro pelo interior do Acre?

 

Fagner Calegário - Dar visibilidade a todos os nossos candidatos e principalmente fortalecer os nossos pré-candidatos a federal, Júnior Santiago, e ao Senado, Sanderson Moura.

Blog - Vocês não temem retaliação com uma candidatura ao Senado?

 

Fagner Calegário – Evandro, esse risco existe. No entanto, o partido está alinhado e foi uma decisão tomada em uma conversa aberta com todos os membros que compõe nossa estadual. Mas você sabe que o aval de uma candidatura dessa vem da nacional, até o momento estamos muito satisfeito com o posicionamento da nacional e isso eu posso te garantir. Sabemos que são duas vagas, então como eu sempre disse em conjunto com o Junior: acredito que será mais inteligente virem conversar sobre esse segundo voto do que tacarem pedra.

Blog - Como está realmente a situação do PTC no interior?

 

Fagner Calegário - Estamos fazendo um levantamento, essa caravana vai ajudar nessa questão. Sabemos que as pessoas que estavam a frente do partido eram lideranças da Antônia Lúcia, é natural que esse quadro se renove.

Blog – Tem alguma conversa entre vocês e a ex-deputada Antônia Lucia?

 

Fagner Calegário - Na verdade não existe nenhum mal estar, isso que ficam falando é pra causar intriga e não vamos entrar nessa. Todos sabem a liderança e a influencia que ela tem junto as igrejas. Outro dia estive em um jantar ela estava presente, nos cumprimentamos, mas tenho certeza que ela não sabe quem eu sou, isso é normal não sou político e nem vim de família política. De verdade, ela não precisa provar nada pra ninguém!

Blog - Qual o diferencial do PTC para 2018?

 

Fagner Calegário – Estamos à beira de uma reforma política que não sabemos no que vai dá, mas o que nós aqui defendemos é realmente essa renovação. Já falamos em outras conversar, aqui só vem quem não tem mandato (se não mudar o formato das eleições). Mudando, teremos que reavaliar.

Blog - E ai o PTC vai pra FPA ou fica na oposição?

Fagner Calegário – (risos) Estava demorando essa pergunta. Olha eu tenho um posicionamento. Isso não quer dizer que o grupo vai seguir.

Blog - E qual é?

 

Fagner Calegário - Defendo uma categoria e ela estar muito bem assistida pelo “chame chame” (risos).

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
16 SP_JUNHO 2019

 

O ex-deputado federal Chicão Brígido, assessor especial do prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre (PT), deixou o hospital depois de ficar cinco dias internado tratando de uma suspeita de infarto. De volta ao trabalho, disse que o PDT, partido do qual é presidente da Executiva Municipal, certamente se manterá fiel ao projeto da Frente Popular em 2018. Chicão agradeceu a Deus pela recuperação da saúde e prometeu fazer o que mais sabe daqui para a frente, conversar com as pessoas, até as eleições do ano que vem.

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
16 SP_JUNHO 2019

 

Poucos socialistas, ao menos no Acre, ainda tentam se comportar como os comunistas dos anos dourados, igual faz o professor José Uchoa. Embora sobreviva do poder alcançado pelo PT há 20 anos, Uchoa ainda acredita no modelo de gestão baseado na igualdade. Em entrevista ao Blog do Evandro Cordeiro, ele, ainda muito orgânico dentro do PCdoB, e que preside a terceira maior central de trabalhadores do País, a Central dos Trabalhadores do Brasil (CTB), anuncia uma plenária com objetivo de discutir os 20 anos de poder da esquerda no Acre, período onde vê muito retrocesso e defende a legalização da maconha. Veja:

Blog – Professor José Uchoa, o senhor se apresenta, nas redes sociais, como defensor da legalização da maconha. Seja mais claro na defesa da ”erva”...     

 

José Uchoa – A questão central que aflige o brasileiro é a violência. Isso leva alguns debates exacerbados. Leva as pessoas a pensar em eleger um político que seria o salvador da pátria. A solução teria que ser por via de um grande debate, com base no nosso ordenamento jurídico e ai entraria a maconha, que não é nenhum suco de maracujá, mas é menos ofensiva do que o tabaco e o álcool, para amenizar essa violência. Com a legalização da maconha, o governo taxaria o produto e isso se reverteria em tratamento para doentes. Com a legalização, esse business dos traficantes perderia o sentido. Esse debate não é acéfalo, porque gente importante, como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, já defendem. Muitas pessoas tem levado isso com galhofa nas redes sociais, mas algumas dessas mesmas pessoas são hipócritas, que na calada da madrugada vão para os motéis cheirar cocaína. Eu defendo fortemente um debate para se chegar a um ideal.

Blog – Como presidente da CTB o senhor anuncia um seminário para fazer um balanço crítico do governo da Frente Popular e isso parece não estar empolgando o pessoal do governo...

 

José Uchoa – Isso. Como presidente da Central eu estou organizando esse seminário para a gente fazer um balanço bem crítico dos 20 anos de poder da esquerda. Mas realmente isso não está empolgando quem está no poder. Mas nós vamos fazer esse debate, que vai terminar com a criação de um documento final fazendo essa avaliação. A relação do governo com os movimentos sociais, com as instituições. A gente tem que avaliar, porque isso é da dinâmica da política. Temos que fazer isso com muita seriedade e responsabilidade. Até setembro vamos convencer as pessoas a participar dessa plenária, que terá cientistas da universidade, representantes da igreja e das demais organizações sociais ligadas ou não a nossa central.                    

 

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
16 SP_JUNHO 2019

O agora ex-presidente do PSL, ex-Juiz de Direito Pedro Longo, disse ao Blog do Evandro Cordeiro que vai esperar as novas regras das eleições de 2018 serem aprovadas em Brasília para decidir para onde vão.

O fato é que ele e ao menos um dos dois vereadores do partido, o Carlos Juruna, além de outras inúmeras lideranças do PSL devem continuar na Frente Popular. “Estamos saindo amigavelmente, por questão ideológica mesmo.

Nós temos essa parceria com a Frente e vamos mantê-la”, afirmou o dirigente, que pretende disputar as eleições para deputado estadual. “Convites já apareceram muitos, mas vamos esperar a regra do jogo para decidir nosso rumo”, afirmou.     

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
16 SP_JUNHO 2019

O presidente do PHS, Manoel Roque, anuncia para breve um ato de filiação que vai marcar a história de seu partido. O interessante, segundo ele, é que essas figuras prestes a se filiar são todas importantes, mas nenhuma com mandato. Quanto ao futuro do PHS não há dúvidas: apoiará o candidato a governador da Frente Popular, principalmente se este for o prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre (PT). “Ele será imbatível nas urnas. Quando as pessoas desse Estado conhecer o Marcus, como ele é conhecido aqui na capital ai não tem para ninguém”, diz o dirigente.

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard