Casamento à vista
01 / 01

Casamento à vista

Cantor Sérgio Solto é o aniversariante de hoje, 11! Ao lado de sua noiva, a advogada Socorro Rodrigues, foi acordado com lauto café da manhã
Blog do Evandro Cordeiro

A pré-candidata a deputada federal Vanda Milani, procuradora de Justiça, elogiou as propostas do pré-candidato a senador Márcio Bittar (MDB) de por fim a perseguição a agricultores e pecuaristas do Acre, imprimida pelos governos do PT nos últimos 20 anos. Ela reforça a idéia de Bittar afirmando que na hora de colocar tudo isso em prática a bancada inteira precisará  ajudar. Bittar quer revisar todas as multas impostas aos colonos e iniciar uma discussão para a mudança radical na lei do desmatamento. Hoje o cidadão tem direito de derrubar apenas 20% de sua área, limitando sua capacidade de produção. O pré-candidato destaca ainda o domínio por grandes empresas que exploram a floresta com o aval do Governo, dentro do já falido projeto de florestania. Biitar é um dos dois pré-candidatos a senador pela oposição - o outro é o senador Sérgio Petecão. Vanda deverá disputar a eleição pelo Solidariedade.  

Publicado em Blog

A Churrascaria do Chaguinha, na estrada do Calafate, logo após a ponte, é o lugar do almoço gostoso. Não fica devendo nada a nenhuma churrascaria daquelas mais conhecidas de Rio Branco. Hoje, por exemplo, foi servido da picanha à fraldinha, passando pela maminha e costela, todas suculentas, saindo da churrasqueira. O acompanhamento é arroz, farofa, salada, feijão, macarrão e purê. O resto eu não digo. Vai lá matar a curiosidade.     

Publicado em Blog

A prefeita de Brasileia, Fernanda Assem, do PT, gastou o dobro de diárias de seu antecessor, Everaldo Gomes, do MDB, numa comparação entre os anos 2013 e 2017. Em relação às diárias pagas a todos os servidores, ela também pagou bem mais que o prefeito anterior, cuja administração lhe rendeu uma cadeia. Igual ao ex-prefeito, ela também já se viu às voltas com a lei. O Ministério Público chegou a pedir seu afastamento em meio a denúncias de má gestão, mas o Judiciário negou. O processo continua em andamento, no entanto. O vereador Valadares Neto (MDB) e o procurador do município Pedro Diego de Oliveira dizem que o promotor foi imediatamente transferido da cidade por razões políticas, naturalmente. Fernanda é tida como “uma joia” do PT e por isso mesmo deverá ser preservada, ainda que para isso tenha que transferir um promotor que se arvorar contra a gestão dela.

Publicado em Blog

O empresário acreano Wendel Barbosa foi campeão de Jiu Jtsu, sábado, 21, em Abu Dabi, capital dos Emirados Árabes Unidos, em competição promovida entre paratletas, pela Confederação Mundial. Wendel sempre foi atleta, mas após sofrer grave acidente e ficar perto de perder uma das pernas, ele se recuperou e voltou a treinar. Se cadastrou na confederação brasileira como paratleta e acaba de ganhar sua primeira competição internacional. Veja mais informações no G1/esportes.     

Publicado em Blog

O pré-candidato a governador do PT, Marcus Alexandre, formou o staf de sua campanha e fechou a “panelinha”, deixando os partidos nanicos de fora. A reunião foi na noite desta sexta-feira, 20, no auditório da Assembleia Legislativa, só com líderanças do PDT. Foi criado o conselho da campanha, escolhido um comandante. A notícia não foi nenhuma novidade por que é com essa turma que ele tem andado ultimamente. Os partido nanicos, por enquanto, estão na periferia. Alguns dirigentes estão inchando como bolo no forno, me disse um deles. “E pode até estourar”, avisou pelo Blog do Evandro Cordeiro.     

Publicado em Blog

Eu não digo que ela não merece e nem que não estou satisfeito por saber que uma mocinha da periferia de Rio Branco, vítima de cafetões políticos, vai comer bem, dormir bem, ter um bom carro e, se quisesse, até poderia mandar todo mundo catar coquinho e viver a vida sem depender de ninguém, inclusive longe dos exploradores. Mas isso não afasta a ideia de coisa ruim que é o tal BBB, vencido pela acreana Gleice. O programa é, cagado e cuspido, cara do partido no qual ela militou, ganhando uma merreca do Governo, até pouco antes de ir para o Rio de Janeiro e se confinar na casa dos Brothers, e pelo qual foi notadamente usada para defender, lançando no ar uma frase da qual ela nem sabia do que se tratava, logo após sair com a vitória na mão. Qual seja: um programa sem edificação cultural, despropositado já, nessa 18ª edição, muito mais utilizado para nacionalizar novos conceitos de família, modismos que afrontam o conservadorismo e, por fim, apenas para deleite de ego e do narcisismo exacerbado.

Acotovelado diante de tanta fadiga moral, sem programa de Governo, o PT do Brasil e do Acre tem o DNA do Big Brother – ou vice-versa. Virou uma confraria de amigos sobreviventes financeiramente, tipo assim: até onde der. Pegaram para candidato a governador um sujeito de trejeitos franciscanos, com cara de pidão, mas já amarrotado pela nódoa da época que o partido e seus guaipecas se sentiam intocáveis, tinham a certeza da impunidade. Tem nele as marcas de uma obra suja, a da BR-364, e de outras traquinagens no Deracre. Se ele foi artífice ou apenas vítima do processo só Deus sabe. Que nem no BBB, aos 20 anos de poder os amigos começaram a se trair, tentando eliminar uns aos outros, mesmo passando a ideia pela imprensa de uma unidade intocável. Uma jossa! O pré-candidato a governador deles anda para um lado, o grupo original, da primeira vitória, anda para outro. É petista não querendo andar com certos petistas. Eles são o que dizem que a oposição é, como mandou o Lenin.

Então, para finalizar, desejo que a Gleice curta a grana que ganhou, porque foi só o que valeu a pena. Lá dentro ela não aprendeu nada, senão exercitar a conspiração, como parece ser o dia-a-dia do partido que ela defendia antes de ir pra lá e que talvez continue defendendo. Eu esqueço a Gleice militante e miro na menina da periferia que teve a chance de um em 240 milhões, para que ela viva bem, dê uma vida melhor à família e continue estudando psicologia. Se assim fizer, garanto, não permitirá ser mais explorada, nem trará aqui para fora da casa dos Brothers o que pode ter aprendido em três meses de confinamento: nada. Viva a liberdade, Gleice! Dos homens de bem dessa país.   

Publicado em Blog

O pastor Arnaldo Barros, líder da igreja Geração Eleita, apresentador de programa na TV Rio Branco e pré-candidato a deputado estadual pelo PHS, disse que só uma aliança entre o Governo e as igrejas ajudará a frear o “banho de sangue” que acontece no Acre. O ministro eclesiástico denuncia que mais de 3 mil pessoas foram executadas em menos de anos no Acre e que mais de 6 mil pessoas estão em cadeias no Estado. “Tem algo errado, mas é o momento de a gente dar as mãos por muitos que choram a dor da perca”, disse. Arnaldo tem um trabalho dentro da penitenciária Francisco d’Oliveira Conde, onde ora por jovens ligados as facções. Ele também é responsável pela conversão de muitos deles, que tem procurado a igreja Geração Eleita. “Eles me procuram e pedem para eu gravar o desligamento deles das facções e eu atendo a todos”, diz o pastor.     

Publicado em Blog

O ciclista Felipe Mendes assumiu no último dia 4 de abril a Federação de Ciclismo do Acre, depois da renúncia da diretoria anterior, acusada de vários crimes, cujos pormenores o Blog do Evandro Cordeiro não teve acesso. Felipe assumiu interinamente, mas já convocou eleições para o próximo dia 5 de maio. Inclusive a partir desta sexta-feira, 20, estão abertas as inscrição de chapas interessadas em concorrer a presidência da entidade, que um dia já foi uma das mais fortes do Estado, criando campeões como o nacionalmente conhecido Vidal, descoberto no município de Xapuri.     

Publicado em Blog

O senador Sérgio Petecão é o aniversariante desta sexta-feira, 20 de abril. São 50 e poucos anos de idade (nasceu em 1960, são 57 anos) e quase 30 como político, marcados por muita intimidade com as pessoas do Acre. Até mesmo adversários históricos, como o senador Jorge Viana (PT), admitem que Petecão é, de fato, um dos políticos de maior popularidade da história. Hoje ele reúne correligionários e até adversários políticos na chácara Boi Cagão, uma pequena área de terra às margens da BR-364, sentido Rio Branco-Porto Velho (RO), logo após o bairro Santa Cecília, para comemorar a data. Antes de chegar ao Senado da República, em 2010, Petecão foi deputado estadual, presidente da Assembleia Legislativa durante oito anos e deputado federal. Nas eleições deste ano ele concorre à reeleição. “É um ser humano incrível com quem trabalho há muitos anos e quem nunca encontrei, um dia sequer, de mau humor”, diz o ex-vereador Francisco Bezerra, o pastor Bezerrinha.    

Publicado em Blog
Página 1 de 8

BANNER PP P