Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal
01 / 03

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
02 / 03

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
03 / 03

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
24 SP_OUTUBRO 2017

O presidente da Juventude do PSDB, Renê Fontes, postou nas redes sociais um texto por meio do qual pede a Executiva Estadual tucana que puna urgente o casal Toinha e Zé Vieira, lideranças em Sena Madureira, após eles declararem apoio a pré-candidatura do PT ao Governo. Renê acha inadmissível que “depois de mudança ideológica tão radical” os tucanos ainda tenham que aturar o grupo nas fileiras do partido.

“Tenho certeza que a executiva regional já está tomando as devidas providências para resolver isso da melhor forma possível e na mesma linha que usaram contra outros”, escreveu o Renê. Os “outros” a que se refere são os vereadores Alonso Andrade e Rabelo Goes, que em 2016 apoiaram o PT e foram convidados “imediatamente” a deixar o partido.   

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
24 SP_OUTUBRO 2017

O ex-prefeito de Tarauacá, Cleudo Rocha, tem 57 anos de idade e, acredite, 72 afilhados. Isso mesmo. Ele é compadre de 72 casais, quase todos em seu município. “Tem alguns compadres em Feijó e em Rio Branco, mas são poucos”, diz. Todos os afilhados foram batizados na igreja da Paróquia de São José. Compadre Cleudo não anda cem metros numa rua de seu município sem que alguém lhe tome a benção. Coisa saudável do interior. “Já teve vezes que eu nem me lembrava que era padrinho do cara”, conta, irônico. É que alguns desses afilhados já são vovôs.

Cleudo Rocha é filho de um também ex-prefeito de Tarauacá, o município mais político abaixo da linha do Equador, que se localiza a 408 km de Rio Branco. O pai dele era o professor e delegado de polícia Tupanir Gaudêncio, que administrou a cidade entre 1966 a 1971. Ainda é muito lembrado por duas razões: foi o primeiro a sair da Câmara de vereadores para ser prefeito – só o filho Cleudo também viveu a mesma história; e por ter morrido naquele acidente de avião ocorrido em 1971 em Sena Madureira, no qual morreu também o então bispo da prelazia Acre/Purus, Dom Giocondo Maria Grotti. No mesmo vôo estava também o irmão mais velho do Cleudo, o Cleiber.

Com o pai e o irmão mais velho mortos, Cleudo Rocha passou a ser o único homem da casa, porque dos seis irmãos, quatro eram meninas. Junto com sua mãe, dona Teresinha Rocha, viúva aos 36 anos, ele passou a administrar a fazenda do pai, às margens do rio Tarauacá. “Um dia um professor me perguntou o que eu queria ser quando crescesse e eu respondi na lata: prefeito. Quero ser prefeito de Tarauacá”, conta Cleudo Rocha ao Blog. Dito e feito. Foi primeiro vereador, entre 1988 a 1992. Depois foi prefeito. Como seu pai.

Atualmente, Cleudo Rocha é uma relíquia política, com muito prestígio ainda. Ajudou na campanha do ano passado candidata Marilete Vitorino (PSD), no final eleita. Com a bagagem política acumulada, Cleudo ajuda nos arranjos políticos para dar governabilidade à administração de Marilete. Tudo sempre com muito bom humor, como um bom compadre do interior do Acre. Ele é o presidente do partido da prefeita, o PSD do senador Sérgio Petecão. De certo mesmo é que ninguém morre pagão na efervescente Tarauacá.

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
24 SP_OUTUBRO 2017

O senador Gladson Cameli (PP) deverá prestigiar nesta segunda-feira, 25, a inauguração da usina de asfalto em Sena Madureira, município 244 km distante de Rio Branco, em evento marcado para o início da noite. O senador foi quem se mexeu para alavancar recursos e comprar o instrumento. Satisfeito com a festança dos últimos dias em Sena, onde há inauguração de obras desde a última sexta-feira, numa programação influenciada pelo aniversários de 113 anos do município, Gladson Cameli fez um rasgado elogio, via Blog do Evandro Cordeiro, ao prefeito Mazinho Serafim (PMDB): “A população de Sena Madureira está de parabéns por ter elegido o Mazinho como prefeito. Esse homem nasceu para administrar”.   

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
24 SP_OUTUBRO 2017

O jogador de futebol Doca Madureira, que atua pelo Istambul BB, time da série B do futebol Turco, seria uma das atrações da festa de amanhã à noite, 23, no clube AABB, em Sena Madureira, em comemoração ao aniversário da cidade. Mas ele desmarcou a vinda de última hora, por causa de uma importante partida pelo campeonato que acontecerá neste domingo, 24. A informação foi passada por amigos dele que moram no Vale do Iaco e que mantém contato constante com o futebolista.

Além da festa “Filhos de Sena”, da qual participarão muitas personalidades que são do município, entre elas o cantor Sérgio Souto e a jornalista Vânia Pinheiro, uma série de outras atividades marcam o evento, como a reinauguração do estádio Marreirão, neste sábado e um show do cantor Amado Batista na segunda-feira, 25, dia em que o município, administrado pelo prefeito Mazinho Serafim (PMDB), completa 113 anos.  

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
24 SP_OUTUBRO 2017

Meyre Serafim, a primeira-dama de Sena Madureira, está sendo convidada a disputar as eleições de 2018 para deputada estadual, pelo PMDB. Um grupo de secretários da prefeitura prepara inclusive um ato para lançar o nome dela. Ela já estaria praticamente convencida. O problema é saber se o marido dela, prefeito Mazinho Serafim, vai concordar.

Caso a família decida pela disputa, é mais um nome muito forte do partido. Principalmente para ajudar, também, na reeleição do deputado federal Flaviano Melo (PMDB Acre), por quem o prefeito tem muita gratidão. Meyre é casada com o atual prefeito há 25 anos e, além da parceria conjugal, ela é, também, a primeira-parceira dele, quando o assunto é política. Mazinho se refere a ela sempre com muita deferência.    

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard