Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal
01 / 02

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
02 / 02

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
18 SP_JANEIRO 2018

 

 

“Quando Jesus disse venham a mim porque meu fardo é leve e meu julgo é suave ele se referia ao pecado do homem, mas se referia também ao julgo e ao fardo pesado que os romanos imprimiam aos Judeus. Em nosso caso, o PT impõe um fardo já muito pesado ao acreano. E é para se livrar desse julgo petista que eu convido a sociedade”, disse o deputado federal Alan Rick em um trecho de seu histórico discurso na festa de filiação dele no DEM, nesta sexta-feira, 25. Ele tinha para quem falar, porque as dependências do Afa Jardim, Buffet onde ocorreu a festa, estavam tomadas por admiradores dele.

Além de Alan Rick, outras figuras importantes se filiaram no DEM de Tião Bocalom. Um deles, o médico Carlos Beirute. Prestigiaram e abonaram essas fichas o líder do partido na Câmara Federal, Efraim Filho (PB), além do deputados Sóstenes (RJ) e Marcos Rogério (RO).

A filiação de Alan Rick foi prestigiada por lideranças evangélicas, entre elas o pastor Daniel Batistela, ícone do chamado missionário no Acre, e políticas da oposição, entre elas os senadores Sérgio Petecão (PSD) e Gladson Cameli (PP), esse último pré-candidato a governador. Gladson, a rigor, fez um discurso de boas vindas a Alan e arrancou um interminável aplauso ao convidar a oposição a “viver uma nova história” no Acre.

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
18 SP_JANEIRO 2018

O PT vem conseguindo espalhar boatos capazes de desestabilizar a oposição, principalmente em relação a escolha das candidaturas ao Senado. A tentativa é criar clima tenso entre o senador Sérgio Petecão (PSD) e os pretensos candidatos Major Rocha (PSDB) e Márcio Bittar (PMDB). “Vou lá no Petecão. Não vamos dar brecha a fofocas, quase todas elas puxadas pelo PT”, informou Bittar ao Blog do Evandro Cordeiro.

Por outro lado, o senador Sérgio Petecão demonstra o máximo de tranquilidade. “Estou acostumado e me vacinei contra fofoca”, diz Petecão. “Nós poderemos ser parceiros de chapa e eu tenho um grande respeito pelo Petecão. Acho improvável a gente pegar corda de boataria. Vou lá”, conclui Bittar.

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
18 SP_JANEIRO 2018

 

O senador Sérgio Petecão (PSD) disse ao Blog do Evandro Cordeiro que, ao invés de se preocupar com pesquisas, vai continuar carreando dinheiro para as prefeituras do interior do Acre, sem olhar partido. “Quero aproveitar esse momento em que tenho bom trânsito em Brasília para continuar liberando recursos”, afirmou.

A “prospecção” de recursos em Brasília é um trabalho, segundo Petecão, de regrar o que ele plantou em 2016. “Nas eleições de 2016 eu plantei em todo o território do Acre, agora tenho que regrar, porque em 2018 é eleição”, diz.

Sobre a pesquisa de ontem o senador diz que faz muito anos não se preocupa com resultado de pesquisa no Acre. “Tem que respeitar as pesquisas. Manipulá-las é uma coisa que nunca vai dar certo”, assinala Petecão, que acrescenta: “Mais cedo ou mais tarde a verdade vem a tona e desmascara os manipuladores”.    

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
18 SP_JANEIRO 2018

Pelos números levantados para o Senado, no que pese o descrédito do instituto, fica provado que, unida, a oposição ganha até as duas vagas do Senado. O senador Jorge Viana (PT) não está morto, mas está longe de ser aquele da década passada, que dava autógrafos. Pode ser batido. Sérgio Petecão (PSD), Major Rocha (PSDB), Marcio Bittar (PMDB) e Tião Bocalom (DEM) transformados em duas candidaturas dão de lenço nos dois do PT.

Petecão apareceu em segundo na oposição, mas é quem mais pode crescer, porque fez partido nesses últimos anos. Se ele chegar, hoje, na Foz do Breu, tem uma turma a sua espera.

Na pesquisa estimulada, quando o pesquisador mostra os nomes, Márcio Bittar aparece com 18%, Sérgio Petecão 13%, empatado com Jorge Viana.

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard

BANNER PP P

Socialize