Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal
01 / 03

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
02 / 03

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
03 / 03

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
24 SP_OUTUBRO 2017

A oposição parece não apostar nas mulheres, ou as mulheres não apostam na oposição, ao menos para as eleições de 2018. Só vejo a presidente do PMN, Valdete Souza, a minha colega Vânia Pinheiro e a Charlene Lima, além da ex-deputada Antônia Sales se mobiliando de alguma forma. No PT e Frente Popular também não há grandes movimentações no time feminino. Nem mesmo a candidatura da ex-deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB), empolga como antigamente. E não há projeção de candidaturas competitivas.

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
24 SP_OUTUBRO 2017

O presidente do PHS, Manoel Roque, vai deixar o cargo, depois de uma década. Por sugestão dele mesmo, a mudança acontecerá para garantir um revezamento na direção do partido, um dos mais enjoados da Frente Popular, com saldo de vereadores e deputados eleitos em todas as eleições recentes.

Para o lugar de Manoel Roque, uma das maiores autoridades dos bastidores da política, campeão em costuras de sucesso, deverá ser aclamado o empresário Jarbas Soster. O novo presidente, a partir de novembro, também deverá ser o candidato do partido a deputado federal.      

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
24 SP_OUTUBRO 2017

A ex-prefeita de Sena Madureira e ex-deputada estadual Toinha Vieira reunirá seu grupo político na próxima sexta-feira em Sena Madureira com o prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre (PT), e o pré-candidato a senador pelo PT, deputado estadual Nei Amorim. Segundo pessoas ligadas a ela, o grupo todo, em cuja a cabeça está ela e o marido, o também ex-deputado Zé Vieira e o vereador Josandro Cavalcante, deverá decidir na próxima sexta, depois de ouvir Alexandre, para qual partido ir, se PSB ou PDT.

Toinha Vieira é uma ex-algoz do PT em grau mortal. O partido tratou ela como mãe de criminoso há uma década e meia, quando o assassinato e estupro de uma moça de nome Luziene abalou toda a região do Iaco. Deputados do PT, à época, patrocinavam um movimento chamado Comitê Contra a Impunidade, que foi à Sena “passar o dedo na cara da Toinha”, chamando ela de mãe de assassino, pelo fato de o filho único dela, Tassio Vieira, estar entre os suspeitos.

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
24 SP_OUTUBRO 2017

 

Edvaldo Magalhães, ex-deputado estadual, e sua mulher, a ex-deputada federal Perpétua Almeida, ambos do PCdoB, não são um joão ninguém. Ele é secretário todo-poderoso do governo Tião Viana (PT) e ela está “desempregada”, mas anda colada no prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre (PT). Mas que os dois andavam sumidos da mídia isso é fato. Pelo menos até semana passada, quando eles pintaram o muro externo da chácara Ipê, um conglomerado de mansões onde moram as famílias mais ricas do Acre, com rostos de figuras contundentes da história, como Chico Mendes e Che Guevara, amados e odiados na mesma proporção.         

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
24 SP_OUTUBRO 2017

 

O médico Jasone Silva, ex-prefeito de Tarauacá, disse ao Blog do Evandro Cordeiro que quer distância da política partidária. Ele fala do assunto como alguém que só teve prejuízo. Mas não vai deixar de opinar, diz ele, antes de afirmar o seguinte: “O PT ganha ainda no Acre, em 2018, apesar do bombardeio nacional. Por que? Porque tem um projeto consolidado e um candidato competitivo, o Marcus Alexandre”.

Jasone não foi o melhor prefeito de Tarauacá, mas tem o direito de pensar política à sua maneira. Ele, inclusive, acha que outra vez os municípios de Feijó e Tarauacá garantirão a vitória da Frente Popular. Ele insinua que os prefeitos das duas cidades – Kiefer Roberto (PP), de Feijó, e Marilete Vitorino (PSD), de Tarauacá –, eleitos pela oposição, vão colaborar com isso.    

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard