Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal
01 / 03

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
02 / 03

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
03 / 03

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
16 SP_DEZEMBRO 2017

A prefeita de Brasileia, Fernanda Hassem (PT), continua cotada para ser a vice de Marcus Alexandre (PT), na disputa pelo governo do Acre em 2018. Pesa em favor dela uma lista de predicados, a começar pelo fato de ser mulher e por ser de uma região jamais contemplada em chapas da Frente Popular na formação das chapas majoritárias. Um dos líderes proeminentes da FPA disse hoje ao Blog do Evandro Cordeiro que em muito pouco tempo “você terá uma grande manchete para publicar”. E foi enfático: “É sobre a escolha do vice na Frente Popular”.   

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
16 SP_DEZEMBRO 2017

Um grupo de petistas do Alto Acre, com apoio de pelo menos um deputado estadual com base em Rio Branco, começou a defender essa semana o nome da prefeita de Brasileia, Fernanda Hassem (PT), como vice na chapa da Frente Popular que vai disputar o governo em 2018, em cuja cabeça está o prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre (PT). O nome dela contemplaria, pela primeira vez, uma região inédita e manteria no cargo uma mulher. Segundo a fonte do Blog, o único empecilho está sendo o fato de ela ser do PT. Os aliados não aceitariam uma chapa puro sangue. Enviei mensagem a ela pelo celular e continuo esperando uma resposta da prefeita mais bem avaliada do Acre.

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
16 SP_DEZEMBRO 2017

 

A prefeitura de Brasileia ficou totalmente adimplente essa semana, depois de três anos e meio impossibilitada de receber recursos extras. A atual gestão assumiu com nove restrições junto ao Cauc (Cadastro Único de Convênios), das 13 que todas as prefeituras precisam estar em dias. O fim do longo período de velhacaria da prefeitura estar sendo comemorado hoje, 3, em Brasília, pela prefeita Fernanda Hassem (PT), que agora poderá contar com convênios, emendas e outras locações de recursos impossíveis sem o “nome limpo”.

A prefeitura de Brasiléia não é a única a comemorar sua saída da inadimplência. Outras seis também estão com o nome limpo: Rio Branco, Sena Madureira, Porto Walter, Feijó, Tarauacá e Epitaciolândia. Uma delas, a rigor, a de Porto Walter, faz tempo, não tem problemas dessa natureza. O prefeito Zezinho Barbary (PMDB) a mantém adimplente há cinco anos.     

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
16 SP_DEZEMBRO 2017

Eleita pelo PT, a prefeita de Brasileia, Fernanda Hassem, garante que já conseguiu um grande feito para quem dirige um município que foi arrasado pela natureza, com duas enchentes históricas, e por corrupção: “Conseguimos equilibrar as contas”, comemora. Em entrevista ao Blog do Evandro Cordeiro ela conta como conseguiu a proeza e como o candidato do PT ao governo do Estado poderá contar com ela na região. Veja:

Blog – Prefeita, Brasileia foi arrasada pela natureza e patinou na gestão anterior. Com base nos primeiros seis meses, a senhora já pode dizer que vai conseguir recuperar o município totalmente nos próximos três anos?

 

Fernanda Hassem - Nós estamos trabalhando para recuperar o município de Brasiléia em 4 anos, mas o desafio é muito grande. Nós passamos por duas grandes enchentes. É de conhecimento de todos os casos de corrupção envolvendo a gestão anterior, que está sendo inclusive conduzido pela justiça e que afetou diretamente os investimentos ofertados aos cidadãos. São ruas, espaços públicos que estão deteriorados. Há muito por se fazer. Eu acredito que para reconstruir totalmente do jeito que sonhamos em 4 anos faz-se necessária uma junção de esforços, tanto da gestão municipal quanto dos Governos do Estado e Federal, por meio de convênios, mas que faremos o possível para que seja feito. 

Lembrando que a Prefeitura tem uma dívida de mais de 13 milhões de reais. O que nós conseguimos fazer nesse primeiro semestre foi organizá-la, tirá-la da inadimplência e organizar os convênios, podendo executar as obras de emendas parlamentares, visto que as emendas que ultimamente estavam sendo colocadas, a Prefeitura não estava entregando à comunidade, tendo prejuízo tanto o autor das emendas, quanto a população. E agora estamos podendo entregar esses investimentos à nossa população. Além de várias ações que já realizamos nesses primeiros meses. 

 

Blog - Na eleição de 2018 seu candidato a governador, que deverá ser do PT, poderá contar vitória em seu município, baseado na sua atuação?

 

Fernanda Hassem - Eleição é algo muito incerto. O Partido dos Trabalhadores (PT) e a Frente Popular trabalharão com o seu candidato, com o seu nome, mas garantir a vitória é impossível. Somente a população, somente o povo é que saberá escolher seu representante nas urnas. O que eu posso dizer é a Frente Popular estará unida e trabalhando o seu nome. Nem a oposição e nem a Frente Popular são capazes de garantir a vitória nas eleições.

 

Blog - Nesse primeiro semestre qual o grande feito de sua gestão?

 

Fernanda Hassem - No primeiro semestre o que eu tenho como grande feito é a organização financeira da Prefeitura, colocando-a no trilho do campo financeiro, tirando-a da inadimplência após dois anos, pagando as dívidas, com precatórios, energia, servidores. Não estou dizendo com isso que estamos quitando as nossas contas, pois não temos como quitar, mas estamos organizando ela orçamentária, administrativa e financeiramente. Além da organização dos nossos convênios, que estávamos com problemas. Conseguimos executar três convênios que já estavam a fundo perdido e nós já estamos entregando para a comunidade, que são as ruas, mais de 150 km de ramais. O grande feito que vejo é em apenas seis meses podermos equilibrar financeiramente a Prefeitura de Brasiléia. 

 

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
16 SP_DEZEMBRO 2017

Encontro de Governadores e Prefeitos da Colômbia – “Uma Amazônia Livre do Desflorestamento”. Este é o bonito nome do evento que acontece esta semana em Bogotá (Colômbia) e que teve como convidado o governador Tião Viana (PT).

Tião não foi sozinho, levou consigo um séquito formado por secretários, assessores especiais e dois prefeitos, um deles Fernanda Hassem (foto), de Brasileia.

De acordo com a assessoria governamental, as despesas com a viagem serão custeadas pelo Banco Mundial, que teria sugerido a participação do Acre para falar sobre modelo sustentável.

Mas o recurso destinado por este banco ao Estado não é empréstimo? Não teremos que devolver o dinheiro com juros? E outra: A prefeita foi falar sobre a Reserva Chico Mendes. Tranquilo, porém não seria mais produtivo levar alguém da RESEX?

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard

BANNER PP P

Socialize