Paulinho da Força reafirma compromisso com pré-candidatura de Vanda Milani a federal Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal Paulinho da Força reafirma compromisso com pré-candidatura de Vanda Milani a federal
01 / 03

Paulinho da Força reafirma compromisso com pré-candidatura de Vanda Milani a federal

O presidente do Solidariedade, deputado federal Paulinho da Força, reafirmou agora há pouco, em Brasília, o compromisso do partido com a pré-candidatura da procuradora de
02 / 03

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
03 / 03
O presidente do Solidariedade, deputado federal Paulinho da Força, reafirmou agora há pouco, em Brasília, o compromisso do partido com a pré-candidatura da procuradora de
11 SP_DEZEMBRO 2018

O presidente nacional do DEM, senador Agripino Maia (RN), disse agora há pouco ao Blog, enquanto tomava café num hotel em Rio Branco, onde desembarcou nesta madrugada, que “Alan Rick é a nova joia do partido” no Acre. Agripino adiantou que a Nacional chancelará qualquer decisão que a sigla tomar, porque confia muito em Tião Bocalom. “Estamos em boas mão aqui no Acre”, afirmou.

Hoje meio dia chega no Acre outra figura do DEM, o presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (RJ). Ele vem prestigiar o ato de filiação do deputado federal Alan Rick, marcado para às 19h, no Afa Jardim.  

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
11 SP_DEZEMBRO 2018

O debate sobre quem deverá ser o vice na chapa de governo da oposição, onde na cabeça estará provavelmente o senador Gladson Cameli (PP), pode terminar mais cedo do que se imagina. São muitas as razões para isso, mas uma é a mais curiosa, as vagas de suplentes dos dois prováveis candidatos ao Senado, Sérgio Petecão (PSD) e Márcio Bittar (PMDB), ambos com chance de vitória. Assim, os grupos dos deputados federais Alan Rick (de chegada no DEM) e Major Rocha (PSDB), diretamente interessados na vice, podem se entender mais rapidamente. Já se fala, inclusive, nos bastidores, no nome da irmã do Major, minha colega jornalista Mara Rocha, como uma das opções. No caso de Bittar, essa suplência seria assunto exclusivo do ex-prefeito de Cruzeiro do Sul, Vagner Sales (PMDB).

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
11 SP_DEZEMBRO 2018

 

O deputado Alan Rick (sem partido) votou contra o presidente Michel Temer (PMDB) esta tarde, mesmo depois de ser acusado nas redes sociais de ter vendido o voto. Em postagem no Facebook, Alan rebateu: "Desde que pus os pés na Câmara dos Deputados, fiz uma promessa ao povo e a mim mesmo: sempre votar de acordo com minha consciência e com a vontade do meu eleitor. Foi isso que declarei ao Estadão e foi isso que fiz hoje. Para tanto, levei em conta toda a minha atuação parlamentar em prol da transparência e da verdade, além de considerar o atual momento de descrédito generalizado na classe política. Pensando na estabilidade do país, meu voto não poderia ser diferente."

Ao blog, Alan disse que a decisão do voto já tinha sido tomada, mas em respeito às discussões e debates que ainda estavam ocorrendo no âmbito do seu novo partido, o DEM, não a tornou pública.

Seu voto desmontou o discurso petista de que ele estaria votando contra o povo. Alan está cada vez mais forte politicamente e com popularidade em alta. É um nome que tem peso no jogo sucessório de 2018.

 

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
11 SP_DEZEMBRO 2018

Perguntado pelo Blog do Evandro Cordeiro a razão de não ter ainda começado a apenhar dos guaipecas do governo Tião Viana (PT), conhecidos por não perdoar adversários, depois de deixar a Frente Popular e ir para a oposição, o deputado federal Alan Rick (sem partido) respondeu na lata: “Eles vão falar o que de mim se só fiz o bem pra eles!”. Nos trechos a seguir da entrevista o parlamentar fala de seu mandato e sobre o futuro do pastor Agostinho Gonçalves, líder da Igreja Batista do Bosque e seu guru espiritual, além de sua saída do PRB. Veja:   

 

Blog – Como foram esses primeiros seis meses do ano em Brasília, deputado Alan¿

 

Alan Rick - Sob o aspecto político esse primeiro semestre foi muito conturbado. No plano nacional a denúncia contra o presidente Temer, o processo contra o senador Aécio Neves e a condenação do ex-presidente Lula a 9 anos e 6 meses de prisão marcaram o noticiário político do país.

No Congresso, votações importantes como a Reforma Trabalhista.

No plano local tivemos nossa saída do PRB e da Frente Popular, e a composição da aliança DEM-PSDB que colocou os nomes de Tião Bocalom, Alan Rick e Major Rocha à disposição do povo do Acre para o debate político, mas principalmente de um novo modelo econômico pro nosso estado. 

Os problemas de gestão do governo do PT estão a cada dia mais evidentes como provou o ministro da Saúde Ricardo Barros ao revelar as falhas do governo do PT em executar os convênios com recursos do Governo Federal. O Acre perde dinheiro por pura incompetência.

A violência crescente e cada vez mais fora de controle só provam que minha atuação, como então coordenador da bancada, na defesa de alocarmos uma emenda de 70 milhões de reais para aparelhar e reforçar nossas polícias, estava certa. Graças a Deus os parlamentares acreanos abraçaram a causa. E graças a esses recursos, as forças de segurança do Acre terão mais condições de combater o crime.

Também tivemos vitórias importantes na abertura do Programa Mais Médicos para os brasileiros formados no exterior. Luta minha abraçada pelo Ministro da Saúde e transformada em Lei.

 

Blog – Estranho, deputado Alan, o senhor ainda não ter sido atacado, nas redes sociais, que seja, por gente ligada ao governo, uma vez que eles não perdoam adversários...

 

Alan Rick - O que o governo Tião Viana vai falar de mim? Que indiquei, trabalhei, empenhei e liberei R$ 6,5 milhões pra reformar, modernizar e ampliar os hospitais de Sena Madureira e Acrelândia? Que consegui a habilitação do serviço de Nefrologia (hemodiálise) do Hospital do Juruá?

Que empenhei para aquisição de equipamentos:

R$ 300 mil para o Hospital da Criança em Rio Branco; R$ 300 mil para o Hospital de Tarauacá; R$ 350 mil para o Hospital de Plácido de Castro; R$ 150 mil para o Hospital de Feijó; R$ 500 mil para a Reforma da Unidade Mista do Santa Luzia, em Cruzeiro do Sul; R$ 500 mil pra reforma da Unidade Mista de Saúde de Assis Brasil?

Que defendi, na Câmara, a repatriação do dinheiro do exterior para que tanto governo quanto municípios pudessem ter recursos para pagar seus fornecedores e funcionários públicos?

Que destinei em emenda individual minha e com recursos já na conta R$ 5,5 milhões para a Segurança Pública?

Acho que eles não tem o que falar de mim. Só se for pra falar bem.

 

Blog – E o pastor Agostinho Gonçalves, líder da Igreja Batista do Bosque e espécie de guru espiritual seu, pela forma carinhosa como o senhor se dirige a ele, vai lhe seguir na oposição¿

 

Blog - Pastor Agostinho é meu pastor e amigo e sempre me apoiou. A IBB é uma igreja que faz um trabalho, junto com outras igrejas, de resgatar vidas, restaurar casamentos, livrar pessoas do vício das drogas e de doenças emocionais... além do trabalho social que as igrejas evangélicas e católicas fazem.

Pastor Agostinho está cuidando da igreja e isso é o mais importante.

 

Blog – O senhor disputa a reeleição ou vai “encarar” uma disputa majoritária¿

 

Alan Rick - Sou um servidor do povo do Acre e um soldado do Democratas. Seguirei o caminho a ser construído com o povo e com nosso partido.

Publicado em Blog

Informações adicionais

  • Post type Standard
11 SP_DEZEMBRO 2018

Deputado Federal Alan Rick poderá ser uma grande surpresa ao governo do Estado do Acre. O político galã terá o apoio de Tião Bocalom. do partido Democratas (DEM) e Wesley Rocha (PSDB).

 

Publicado em Rubedna Braga

Informações adicionais

  • Post type Standard

Socialize