Paulinho da Força reafirma compromisso com pré-candidatura de Vanda Milani a federal Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal Paulinho da Força reafirma compromisso com pré-candidatura de Vanda Milani a federal
01 / 03

Paulinho da Força reafirma compromisso com pré-candidatura de Vanda Milani a federal

O presidente do Solidariedade, deputado federal Paulinho da Força, reafirmou agora há pouco, em Brasília, o compromisso do partido com a pré-candidatura da procuradora de
02 / 03

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
03 / 03
O presidente do Solidariedade, deputado federal Paulinho da Força, reafirmou agora há pouco, em Brasília, o compromisso do partido com a pré-candidatura da procuradora de
Blog do Evandro Cordeiro

Veja o vídeo em que a Gleici conversa com colegas do programa falando sobre as dificuldades que os moradores enfrentam.

Publicado em Blog

Uma fonte do Blog que circula dentro do Governo contou o desespero do governador Tião Viana (PT), que andaria se virando “nos trinta”, para saber como vai pagar os servidores públicos a partir de abril. Já teria tentado empréstimos até, inclusive na Caixa Econômica, e Banco Mundial. A situação é preocupante. Quanto a fornecedores nem se fala mais. Liguei para pelo menos dois deputados de oposição para que se manifestassem, mas eles não quiseram dar opinião. Disseram numa só voz que não querem aparecer na imprensa como alguém que estaria torcendo para tudo dar errado com o atual Governo. “O governador já é desastrado suficientemente para todo mundo reconhecer o quanto o governo dele tem sido fraco. Não precisa entrar num detalhe desse que envolve centenas de pais de família. Não quero ser aproveitador”, disse um dos parlamentares. Sobre a fraqueza do Governo, a mesma figura da Frente Popular com quem jantei na segunda-feira, 26, já foi mais que sentencial: “Se o Marcus Alexandre perder a eleição todo mundo, inclusive dentro do PT, já sabe sobre quem vai recair a culpa”.

Publicado em Blog

O Ministério Público Estadual, notável parceiro dos governos petistas, principalmente lá no início, nas administrações Jorge Viana, quando foi necessária a união de todos contra o crime organizado, contra a oposição e até em desfavor do Judiciário (o tal Comitê Contra a Impunidade chegou a lavar as escadas do Tribunal de Justiça), acusados de “sugar” o Acre, acaba de sofrer um inesperado ataque vindo das hostes desse mesmo Governo. Para isso foi escalado o líder deles na Assembleia Legislativa, aquele deputado que defende a descriminalização da maconha, Daniel Zeen (PT), para fazer o enfrentamento a um promotor, o Aurê Ribeiro Neto, que pediu o afastamento da prefeita de Brasileia, Fernanda Assem (PT). Disse o valente deputado: “Um órgão como o MPE não pode atuar como um destruidor de biografias”. Ou seja: se for contra o PT já viu, é destruidor de biografias. Na época do Governo Jorge Viana o “parquet” era o parceiro perfeito para mandar criminosos e adversários políticos para a cadeia ou ao menos para acusa-los na imprensa. Fica a impressão de que, ao acusar o promotor de Brasileia de usar “dois pesos e duas medidas”, Zen se equivoca totalmente. Ele é que está usando a fórmula nada republicana.     

Publicado em Blog
Terça, 27 Fevereiro 2018 10:27

ARTIGO Minha vida é um livro aberto

 

 

*  Francisco Bezerrinha

 

O título acima se identifica com o filho do “Pelado” e da brava dona Raimunda do “Pelado”, conhecidos nesta cidade de Rio Branco como dois jumentos de carga, por estarem sempre trabalhando. Ela ficou viúva muito jovem e na falta do marido o filho mais velho virou pai dos seus irmãos. Trabalhando desde os 15 anos tornou-se um homem sendo ainda adolescente. Daí em diante sua história é conhecida.

Esse rapaz entrou para a política e virou o Sérgio Petecão. Na política é conhecido por vários bons atributos, mas não é à toa que é identificado pelo mantra marquetiniano de “cem por cento popular” e cem por cento celular, esse último por ser um dos raríssimos políticos a atender o celular, ainda que esteja dirigindo a mesa do Senado. Petecão é, de fato, um político sem segredos, sem formalidades, cumpridor de compromissos e amigo dos seus milhares de parceiros.

Gosto sempre de dizer que um companheiro do Petecão não passa fome, independente de sua filiação partidária; um compromisso de palavra para ele tem a força de um contrato; uma aliança tem o valor de uma candidatura sua. Trago como exemplo o segundo turno das eleições de 2014, lembrado muitas vezes pelo então candidato a governador Marcio Bittar como a disputa que mostrou o quanto Petecão é leal a seus grupos políticos.

Conhecedor das dificuldade dos nossos municípios o Petecão trata os prefeitos de forma honrosa e faz parcerias, sem olhar a sigla partidária deles.

Senador não é título para qualquer um, mas o Estado do Acre tem um homem simples que honra essa titularidade, concedida pelo voto livre, direto e secreto, conforme a Constituição prevê.

É pré-candidato à reeleição de cabeça erguida e com um nome sem nódoas, porque nada foi achado contra esse homem.

Por respeito ao meu voto, eu sou Petecão de novo!

*  Francisco Bezerrinha é pastor da igreja Quadrangular e ex-vereador por Rio Branco  

Publicado em Blog

O senador Gladson Cameli (PP) disse agora há pouco ao Blog que o “PT vai esperar muito” ele entrar em rota de colisão com um outro provável concorrente ao Governo pela oposição, o coronel PM Ulisses Araújo. “Nunca discuti com ninguém a respeito dessa candidatura do Ulisses. É um direito dele. Se falam isso por causa da questão do DEM, é outra coisa, só que os problemas internos do DEM não me dizem respeito”, afirmou o senador, que em 12 anos de mandato jamais trocou farpas com quem quer que seja. Mantém 24hs o bom humor e trata a todos com fidalguia. “Nem com o pessoal do PT eu jamais agi dessa forma. Não tenho esse costume. A gente tem que respeitar a democracia”, disse.    

Publicado em Blog

Na noite desta segunda-feira, 26, jantei um churrasquinho de “gato” com um alto comissário da Frente Popular, no que ele me contou alguns dos principais “babados” dos bastidores do Governo Tião Viana (PT), principalmente sobre a delação de um empresário que pode comprometer inclusive a vida do governador depois que ele deixar o cargo. Mas o recuo do prefeito da capital, pré-candidato a governador pelo PT, é o mais fundamental no momento, como estratégia para que a oposição “continue brigando”. Diz minha fonte que, depois de molhar a “bagagem” para se deixar ser fotografado na primeira cheia do rio Acre, aparecendo na mídia como salvador das vítimas da enchente, o prefeito foi “recolhido”. Ele desaparece uns dias, enquanto nos bastidores, pelas redes sociais, o próprio PT estimula um confronto entre apreciadores das candidaturas do coronel Ulisses e do senador Gladson Cameli (PP). Ninguém sabe até militantes de um e de outro vão continuar pegando corda do PT, mesmo diante da chance de a oposição unida ganhar a eleição.

Publicado em Blog

O “peão de boiadeiro” e fazendeiro Daniel Nogueira, ex-vereador, quase prefeito na eleição passada, quando perdeu por pouco para o atual prefeito, Bené Damasceno (PROS), corre o sério risco de ser o primeiro deputado estadual eleito com votos do município de Porto Acre. Localizado próximo a Rio Branco, a antiga Puerto Alonso jamais conseguiu eleger um deputado, mas as costuras feitas nos últimos meses amostram uma possível novidade para esse ano. Além de se unir até mesmo a membros da atual gestão de Bené, Nogueira está conseguindo outros apoios importantes, como por exemplo, o do ex-prefeito Rui Coelho, um dos políticos mais bem avaliados naquele município. Daniel ainda está sem partido, mas isso é o que menos preocupa agora. “Até a data limite vamos nos filiar no partido certinho para a gente conquistar esse mandato. Só sei que será um partido de oposição”, afirmou ao Blog.   

Publicado em Blog

O coronel PM Ulisses Araújo, pré-candidato a governador do Acre pelo movimento Resistência e Liberalismo, disse ao Blog do Evandro Cordeiro que há, sim, muitos interessados em disputar o Senado pela sua aliança, mas que as duas vagas serão preenchidas por quem se “viabilizar melhor”. O empresário Fernando Lage, cuja pré-candidatura já foi anunciada há meses, é o único nome garantido, mas outras pessoas importantes encostaram ou foram convidadas para o grupo com objetivo de disputar o Senado, entre elas o ex-vereador Moreira e o Juiz Federal aposentado Pedro Paulo Castelo Branco, conhecido por ter atuado como o “Sérgio Moro” na época do escândalo que culminou com o impeachment do então presidente Fernando Collor, mandando prender o PC Farias, operador financeiro do presidente deposto.  

No mais, diz o coronel, a cada dia uma surpresa com adesões à sua candidatura, mas ele cita mesmo o evento do último sábado, no Resort Hotel, localizado no bairro Floresta, na saída para a estrada Transacreana. Mesmo com o dilúvio sobre Rio Branco o salão nobre o hotel lotou de pessoas entusiasmadas com essa candidatura alternativa. “Deus está no controle, meu amigo, e esta é a realidade. O resto das notícias é a título de fofoca”, afirmou o militar, que ainda não foi para a reserva e nem se filiou a um partido.     

Publicado em Blog

O deputado federal Alan Rick (DEM) acaba de replicar a fala do reitor da Ufac, Minoru Kinpara, sobre a polêmica entre ambos causada primeiro pela declaração de Alan segundo a qual “faltou interesse por parte da Ufac para a instalação do curso de medicina em Cruzeiro do Sul”. As declarações do parlamentar foram dadas no sábado, 24, em entrevista ao Blog do Evandro Cordeiro. Hoje cedo o reitor respondeu Alan, desmentindo essa suposta “falta de interesse”. No texto a seguir, escrito a próprio punho pelo deputado, ele apresenta uma versão por meio da qual assegura que fez de tudo para levar o curso via Ufac. Veja:

“Fazer um mandato voltado para o crescimento e desenvolvimento do Acre incomoda muita gente. Trabalhar em favor do nosso povo deveria ser obrigação de todos, mas nem sempre o é.

Já sofri muitos ataques, mas isso não me fará parar. Jamais.

Os mais recentes se referem à implantação de uma Faculdade de Medicina em Cruzeiro do Sul, devidamente autorizada pelo MEC, graças aos nossos esforços junto ao Ministro Mendonça Filho e sua equipe e ao Ministério da Saúde.

A portaria que trata da questão, assinada pelo próprio Ministro foi publicada no Diário Oficial da União.

Poderíamos ter um curso de Medicina da Ufac em Cruzeiro do Sul? Poderíamos sim e o reitor Minoru Kinpara bem o sabe.

Mas a Ufac não demonstrou interesse. Estivemos na Reitoria da instituição no dia 18 de abril de 2017 com o secretário de Gestão do Trabalho e da Educação da Saúde – SGTES, do Ministério da Saúde, Rogério Abdalla, aqui em Rio Branco, ao lado do senador Gladson Cameli, do deputado estadual Nicolau Junior, assessores dos parlamentares e do Ministério da Saúde.

Lá, ouvimos do próprio reitor, que o interesse da Ufac era implantar mais 40 vagas no curso de medicina em Rio Branco e um hospital universitário.

As testemunhas da reunião podem comprovar. Senador Gladson, deputado Nicolau Júnior e o próprio Rogério Abdalla.

Propus, inclusive que, se esse fosse o entendimento dos demais parlamentares, fizéssemos uma reunião da bancada para que a UFAC apresentasse o projeto e buscássemos uma emenda de bancada, devido ao elevado valor do investimento, cerca de R$ 100 milhões.

Documentos do MEC comprovam que a Ufac não demonstrou interesse no curso em Cruzeiro do Sul e sim no incremento de mais 40 vagas em Rio Branco, razão pela qual a vaga foi destinada a iniciativa privada.

Lutamos para que essa vaga não fosse para outro estado, pois é grande a disputa por uma faculdade de Medicina em todo o país.

Depois de muito trabalho, com o apoio da prefeitura de Cruzeiro do Sul, através do prefeito Ilderlei Cordeiro, a implantação da faculdade está autorizada e será implantada.

Esta é a verdade”.

 

Publicado em Blog

O promotor de justiça Aurê Ribeiro Neto pediu o afastamento da prefeita de Brasiléia, Fernanda Hassen (PT), por uma série de atos de improbidade administrativa, mas o Juiz Clóvis de Souza Lodi negou. Pela decisão do magistrado, ficam indeferidos todos os pedidos, entre eles a devolução de dinheiro e bloqueio de bens da prefeita. Nem a prefeita, nem seu irmão, Tadeu Licurgo, secretário de Finanças da prefeitura, quiseram comentar o assunto. Mas vai ai na foto a suma da decisão do Juiz, assinada ainda no dia de 23 de fevereiro.  

Publicado em Blog
Página 1 de 10

Socialize