Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal
01 / 02

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
02 / 02

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
Blog do Evandro Cordeiro

O coronel Ulysses Araújo, cujo nome foi apresentado como alternativa na disputa pelo governo do Acre em 2018, disse ao Blog do Evandro Cordeiro que “se juntar ao DEM” poderá ser a “cartada” para o surgimento do resultado mais surpreendente da história das últimas eleições no Acre. “Eles (PT e oposição) não tem discurso. O PT tem o que para falar. Já esgotou. A oposição do mesmo jeito. Nós temos discurso e povo vai vir com a gente”, disse o coronel, a grande novidade em pesquisa recente, onde apareceu com 6%.

Se juntar ao DEM seria uma operação em curso nos bastidores puxada pelo deputado federal Alan Rick e pelo líder dos Democratas, Tião Bocalom. Com a junção, seria criada uma chapa forte para Senado, federal e estadual. Tem chance, inclusive, de juntar-se a esse projeto o PRTB e o PTC, onde está o advogado Sanderson Moura. O coronel Ulysses deverá disputar pelo Podemos, puxado pela candidatura de Jair Bolsonaro, chamado de mito em muitos lugares do Brasil a essa altura.

Publicado em Blog

 

 

O deputado federal Moisés Diniz é o novo presidente do PCdoB, desde ontem, 22. Ele foi conduzido à presidência depois de ficar “no canto” por um bom tempo, longe de ser prioridade do partido. E se depender dele, vai continuar não sendo prioridade. Ele quer pagar o “escanteio’ no qual ficou com o bem. “Quero modernizar o PCdoB, torna-lo mais influente e defender melhor os mais pobres”, disse ao Blog do Evandro Cordeiro agora há pouco.

Moisés Diniz informou que o PCdoB deverá lhe indicar para uma das vagas na chapa majoritária. Como provavelmente não será como vice-governador, nem para senador, a dica está dada: Moisés será primeiro suplente de Jorge Viana ou Nei Amorim, os dois petistas que vão disputar o Senado.

 

Publicado em Blog

 

O ex-prefeito de Bujari, João Edvaldo Teles, mais conhecido como “Padeiro”, informa: está voltando à política, depois de muito sucesso e uma queda como administrador. Ao Blog do Evandro Cordeiro ele disse que já limpou o nome, bateu a poeira, e agora prepara a volta por cima. Disputará as eleições de 2018. “Quero ser deputado estadual. Vou fazer uma revolução naquela Assembleia”, diz, sempre boquirroto.

João “Padeiro” é do tipo que não poupa elogio, muito menos críticas. Só não quis falar sobre o atual prefeito de seu município, Romualdo Araújo (PCdoB). Ele acha antiético “bater” em um prefeito sem que haja um motivo forte. “Fui prefeito. Sei como é administrar uma cidade”, lembra. Mas sobre a oposição foi afiado: “Rapaz, eles não dão um telefonema para ninguém. Parece que já ganharam o governo”. Sobre o futuro partido, deixou de ser o “Padeiro” para boçar um pouco. “Vai depender”, diz. Mas já há uma conversa em andamento com o PDT, segundo ele confirma.       

 

Publicado em Blog

O “padrim” da comunidade Barro Vermelho pelo menos até a véspera da eleição passada, Marcus Alexandre (PT), prefeito de Rio Branco, desapareceu da região e a comunidade começa a sofrer a desvalia. Além das constantes quedas de energia, a região está sofrendo com a falta d’água. O precioso líquido despareceu das torneiras e por toda essa semana se não houver uma resposta do poder público tem um grupo se organizando para fazer um protesto. A única forma de chamar a atenção será fechar a estrada antes da penitenciária Francisco d’Oliveira Conde.

Publicado em Blog

 

A Juventude da Frente Popular, azeitada pelo governo, se reuniu na última sexta-feira, 20, no auditório da Assembleia Legislativa, para discutir estratégias em relação as eleições de 2018. Mas, para dar um tom menos politiqueiro ao encontro, foram discutidos assuntos bem atuais, como o recrutamento de jovens pelo crime organizado. Para o presidente da JFP, Thiago Elias, isso é só o começo. “Vem mais coisa boa por ai”, diz ele, enquanto a “Joposição” ainda dorme.  

Publicado em Blog

O senador Sérgio Petecão (PSD) disse ontem ao Blog do Evandro Cordeiro estar preocupado com essa contenda entre o Governo do Estado e o hospital Santa Juliana, que não terminou por meio de notinhas assinadas pelo secretário de Saúde, Gemil Júnior. Nos bastidores, a briga continua e a corda pode, pela primeira vez, no entender do senador, quebrar para o lado do governo. “É que esse governo do PT pode enganar a todo mundo, aliás, já enganou muita gente. Teve gente que foi tão enganada que até já morreu, agora eles enganar a igreja Católica, enganar as irmãs, enganar o bispo, isso dá um azar desgraçado”, afirmou Petecão.  

A questão entre as partes é que o governo deixou de repassar o dinheiro das cirurgias cardíacas e de uma série de outros exames. Por conta da falha no pagamento, a direção do hospital suspendeu o atendimento, gerando um desconforto terrível. Por isso a preocupação do senador Petecão. “Não enganem nosso bispo”, aconselhou o parlamentar.   

Publicado em Blog

Cícero Furtado, o pré-candidato a deputado federal que passa o dia todo mais perto do governador Tião Viana (PT), Cícero Furtado, tem seu nome trabalhado para se filiar no PROS, caso a oposição não leve a sigla. Essa semana teria ficado meio caminho andado nessa conversa dele com o professor Alencar e o Adauto Albuquerque (na foto com eles), por enquanto os homens do partido. Se não der certo se filiar nesse partido, sigla é o que não faltará. Candidato da simpatia do governador e ligado à Igreja Batista do Bosque, Cícero tem mil convites.

Publicado em Blog

O Juiz da 5ª zona eleitoral Dr. Guilherme Aparecido do Nascimento Fraga julgou o último processo eleitoral contra Prefeita Marilete Vitorino, tendo absolvido a mesma em virtude da ausência de elementos que pudessem comprovar o suposto crime eleitoral que a Frente Popular supunha ter acontecido.

A informação foi publicada agora há pouco pelo blog Tarauacá Notícias.

Confira aqui

 

Publicado em Blog

 

O senador Sérgio Petecão (PSD) disse ao Blog do Evandro Cordeiro nesta sexta-feira, 20, que não estar nem ai para essas pesquisas veiculadas nas redes sociais toda semana. O motivo de ele desconsiderar essas consultas é o mesmo de muitas pessoas, o fato de todo partido apresentar a sua e sempre com seu candidato na frente. “Todo partido faz uma pesquisa e diz que seu candidato está na frente. Meu partido está fazendo diferente. Estamos trabalhando, ao invés de pesquisa”, disse.

Sérgio Petecão assegura não estar nenhum pouco preocupado com pesquisa, e nem mesmo com seus adversários na disputa pelo Senado. Uns, segundo ele, tem rejeição acima da média, outros seus nomes nem aparecem na rua. “Então, meu irmão, não estou preocupado. Escreva ai que eu vou ser o primeiro nessas eleições. Vou chegar em primeiro”, afirma, otimista como ninguém.    

 

Publicado em Blog

O secretário de Saúde do Estado, Gemil Júnior, disse ao Blog do Evandro Cordeiro agora há pouco que está construindo sua filiação no PRP, por onde deverá disputar as eleições para deputado estadual. Ele afirma não saber o motivo pelo qual o presidente da sigla, Julinho Santos, tem negado isso, mas desconfia de algum tipo de pressão. “Parece que o Julinho havia estabelecido que no PRP não se filiaria deputado nem secretário, por isso pode estar sofrendo alguma pressão”, afirmou Júnior.

Não é apenas no PRP a ocorrência de dramas como essa filiação do secretário Gemil Júnior. Em outras siglas da Frente Popular a pressão tem sido em quilate idêntico para evitar secretários e pessoas com mandato, como vereadores e deputados estaduais. No PDT, por exemplo, ninguém entra, nem sai.   

Publicado em Blog

BANNER PP P

Socialize