Paulinho da Força reafirma compromisso com pré-candidatura de Vanda Milani a federal Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal Paulinho da Força reafirma compromisso com pré-candidatura de Vanda Milani a federal
01 / 03

Paulinho da Força reafirma compromisso com pré-candidatura de Vanda Milani a federal

O presidente do Solidariedade, deputado federal Paulinho da Força, reafirmou agora há pouco, em Brasília, o compromisso do partido com a pré-candidatura da procuradora de
02 / 03

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
03 / 03
O presidente do Solidariedade, deputado federal Paulinho da Força, reafirmou agora há pouco, em Brasília, o compromisso do partido com a pré-candidatura da procuradora de
14 Jul 2017

Rosana critica reforma e manda um recado ao eleitor: “vamos parar de votar no patrão”

A presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação e líder da CUT no Acre, Rosana Nascimento, criticou fortemente a reforma trabalhista, aprovada ontem, 13. Chamou de retrocesso e mandou um recado ao eleitor, para que este pare de votar nos patrões. “Senão vamos continuar vendo leis aprovadas sempre contra nós”, justifica. Veja trechos da entrevista:  

Blog do Evandro Cordeiro – Presidente Rosana Nascimento, que avaliação a senhora faz da reforma trabalhista?

Rosana - Um retrocesso nos direitos trabalhistas, levando ao subemprego e escravidão sem emprego e salários.

Blog do Evandro Cordeiro– Mais especificamente para a educação, o que vai acontecer depois dessa reforma?

Rosana – Para a educação não esperamos coisas boas. Os servidores serão sentados na mesa de negociação e ai corremos os riscos da contratações deixar de ser obrigatoriamente por concursos públicos. Isso gerará a precarização das contratações e dos salários.

Blog do Evandro Cordeiro– Como a senhora avalia a atuação da bancada federal do Acre?

Rosana – É uma bancada representativa do patronato. São deputados que foram eleitos pelo voto do povo, do trabalhador, mas sem compromisso e responsabilidade com o trabalhador e com os direitos trabalhistas e sociais. O trabalhador tem que deixar de votar no patrão e nos candidatos do patrão. Senão o resultado será sempre isso ai, que aconteceu na reforma trabalhistas. E agora vem a da previdência.  

Escrito por  0 Comentário
Publicado em Blog
Avalie este item
(0 votos)

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

BANNER PP P

Socialize