Paulinho da Força reafirma compromisso com pré-candidatura de Vanda Milani a federal Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal
01 / 02

Paulinho da Força reafirma compromisso com pré-candidatura de Vanda Milani a federal

O presidente do Solidariedade, deputado federal Paulinho da Força, reafirmou agora há pouco, em Brasília, o compromisso do partido com a pré-candidatura da procuradora de
02 / 02

Henrique Afonso pode ajudar a cunhada na disputa para federal

O ex-deputado Henrique Afonso (PSDB) não ficará de fora da disputa política em 2018. Se não for candidato, o que é muito provável, vai ajudar
29 Mai 2018
Mara Rocha já em andanças pelo interior do Acre se apresentando como pré-candidata Mara Rocha já em andanças pelo interior do Acre se apresentando como pré-candidata

O PSDB do Acre quer mandar novidade para o Congresso: a combativa jornalista Mara Rocha

Mara Rocha é uma das jornalistas mais respeitadas do Acre, sobretudo por estar entre os inconformados com os rumos da economia e da política. Por causa disso e de outros predicados é que foi a escolhida do PSDB no Acre para ser a pré-candidata a deputada federal pelo9 partido. Mara tem 26 anos de jornalismo, trabalhou nas principais emissoras de TV do Acre e também no rádio, maios precisamente na Rádio Capital, uma gigante das ondas sonoras nos anos 1980 e 1990. Desses 26 anos quase 19 foram na TV Gazeta, onde apresentou o Gazeta em Manchete e o programa Acre Rural, aos domingos.

A jornalista Mara Rocha nasceu em Rio Branco no ano de 1973. Formada em Educação Física e em Jornalismo, é pós graduada em assessoria de comunicação. Iniciou sua carreira jornalística no ano de 1991, na TV União, afiliada da Rede Bandeirantes de Televisão como apresentadora do Telejornal União. Em 1992 passou a fazer parte da Rede Amazônica de Televisão - TV Acre, afiliada da Rede Globo, apresentando o Jornal do Acre Segunda Edição. Em 1995 esteve à frente do boletim informativo Direto da Redação, no Complexo de Comunicação O Rio Branco, onde ancorou o telejornal TJ ACRE e o programa Diário do Esporte. No mesmo período trabalhou na extinta Rádio Capital no comando do matutino Jornal da Capital. No ano de 1997, atendendo a convites, passou a integrar a equipe de comunicação do governo Orleir Cameli através da empresa Cia de Selva.  No ano de 1999 tornou-se repórter da TV Gazeta , emissora onde trabalhou por quase  19 anos. Em 2000 passou de repórter a apresentadora do jornal Gazeta em Manchete, um dos telejornais de maior audiência em todo o Estado.  Em 2004 Mara Rocha foi idealizadora, apresentadora e editora da revista Acre Rural, a primeira revista rural do Acre e do Programa Acre Rural, no ar por quase 12 anos, valorizando e incentivando o setor produtivo do Estado do Acre.  Além de exercer a função de jornalista, Mara Rocha é empresária, atuando desde 2004 no ramo de publicidade e propaganda.

Mara Rocha é conhecida, também, pela capacidade de indignação. “Assim como a maioria dos brasileiros estou decepcionada com os rumos que a política tomou. Mas com toda a decepção, compreendo que a política é muito importante no processo democrático no nosso país. A política é boa e necessária. Não podemos virar as costas para ela, pois ela interfere diretamente em tudo na nossa sociedade”, disse ao Blog do Evandro Cordeiro. A jornalista enxerga um momento muito especial onde o sentimento de renovação é grande. “Acredito que as pessoas de bem do nosso País estão despertando e entendendo a importância de irem para frente da batalha. Com esse sentimento é que coloco meu nome como pré-candidata a deputada federal, como uma opção ao eleitor. Não apenas por ser mulher, mas por me considerar capaz de contribuir para uma política melhor”, afirma.

Quanto ao Acre, Mara e crítica ácida da política de esquerda. “Precisamos retomar o crescimento do nosso Estado. Estamos há 20 anos parados no tempo assistindo o progresso do vizinho estado de Rondônia. Precisamos de renovação e de um governo que olhe com carinho para a saúde, educação, segurança, mas principalmente para setor produtivo. Acredito que a saída para a nossa economia está na vocação natural do estado, que é a agricultura e a pecuária.  Vamos lutar para que o produtor rural tenha condições de produzir e escoar sua produção. Vamos lutar pela melhoria de ramais, segurança jurídica e regularização fundiária”, diz.

Quanto ao desgaste político de seu partido, o PSDB, ela é otimista. “Vamos sair forte dessas eleições”, profetiza. Ela nega que sua candidatura será prioridade e anuncia um apoio que acredita ser fundamental para sua jornada, o apoio da comunidade rural: "Tenho uma longa história com meu Estado e graças a Deus gozo de plena confiança e credibilidade junto a população, principalmente no meio rural'', diz a repórter, que se submeterá às urnas pela primeira vez. Mara é irmã do atual deputado federal Major Rocha.  

Escrito por  1 Comentário
Publicado em Blog
Avalie este item
(2 votos)

1 Comentário

  • Link do comentário St. Silva Neto. postado por St. Silva Neto. Terça, 29 Maio 2018 11:01

    Essa eu confio, tem todas condições de nós representar no senado, vem de familia Acreana honestamente trabalhadora, conte comigo amiga Mara estamos juntos

    Relatar

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.