Itens filtrados por data: Agosto 2017

O senador Gladson Cameli (PP) puxa nesta quarta-feira, 27, caravana rumo ao Vale do Juruá, com largada às 8hs da manhã, de Rio Branco. O ponto de concentração é a sede do PP, na rua Ladislau Ferreira, bairro Abrahão Alab. O objetivo é alcançar, no dia seguinte, o Festival da Farinha, na cidade de Cruzeiro do Sul. Lá o senador e seu séquito se juntam a outros parlamentares, que vão direito de Brasília, como Alan Rick, Major Rocha e Jéssica Sales. Farão parte da caravana desde a capital, o senador Sérgio Petecão (PSD) e o pré-candidato a senador pelo PMDB, Marcio Bittar.   

Publicado em Blog

 

O ex-deputado estadual Edvaldo Magalhães está fora da cena política, ao menos quando o assunto é mandato. Não vai as urnas desde a derrota para o Senado em 2010, quando foi derrotado pelo concorrente improvável, Sérgio Petecão (PSD). Já nos bastidores é um ás. Secretario do Depasa, homem poderoso das obras de infraestrutura, é sempre ouvido na Frente Popular e, melhor que qualquer um, age como se tivesse no sangue a essência do socialismo, embora esteja envolto numa confusão exatamente por morar em um bairro de burgueses, o condomínio Ipê. Para ser mais preciso, ele e a mulher, a ex-deputada federal Perpétua Almeida, pintaram no muro externo da residência deles as imagens de Che Guevara, Chico Mendes e outros supostos ícones da esquerda no mundo. Isso gerou a maior confusão. O casal foi questionado até pela mãe do sal torrado. Em curta entrevista ao Blog do Evandro Cordeiro Magalhães diz não ter interesse em apagar o muro, fala sobre a volta dele às disputas eleitorais e reascende o mantra da esquerda desde o impeachment da presidente Dilma: que foi golpe e que a democracia no Brasil foi desmantelada. Segundo ele, só as eleições de 2018 para corrigir. Veja trechos de nosso papo:            

Blog – Secretário, o senhor vai apagar, ou não vai, a cara do Che Guevara e do Chico Mendes do muro do Ipê?

Edvaldo Magalhães – A arte não pode ser penalizada. Judicializamos. Vamos aguardar o desfecho. Esse debate não tem sentindo. Um duplo preconceito: contra o grafite e os personagens. Coisas destes tempos "cinzentos".

Blog – Afinal, o muro é seu ou do condomínio?

Edvaldo Magalhães – Na resposta que formalizamos a notificação do condomínio essa questão está bem definida. Esse tempo de 10 dias para retirar a pintura é exíguo.

Blog – Essa corda esticada entre direita e esquerda é bom, ou todos corremos risco?

Edvaldo Magalhães – A democracia está sendo vilipendiada no Brasil. O golpe parlamentar desmontou o ponto de equilíbrio. Rasgou-se as regras num movimento que envolveu forte aparato midiático, instituição da justiça e o poder legislativo. Agora estão com dificuldades para recolocar o país em algum rumo. É muito delicado o momento que vivemos. Só com as eleições com ampla participação de todas as forças vivas, se restabelecerá a democracia no país.

Blog – Como vai se comportar o PCdoB em 2018. Você e Perpétua Almeida voltam a disputar eleições?  

Edvaldo Magalhães – O PCdoB estará debatendo seu projeto eleitoral para 2018 nos próximos 60 dias. Teremos Congresso estadual precedido de conferências nos 22 municípios. Temos o partido presente nos 22 municípios. Será um momento de intenso debate e mobilização.

 

Publicado em Blog

O deputado federal Moisés Diniz (PCdoB) conseguiu, com a ajuda do secretário de Saude do Estado, Gemil Junior, apoio para levar a pequena Débora, de Rodrigues Alves, de 4 anos, a um hospital em Pernambuco, onde ela vai ganhar o transplante de medula óssea para colocar um basta na leucemia, doença que enfrenta desde um ano de idade. O hospital deverá ser o Real Português, em Recife. Perguntei se o parlamentar queria noticiar isso no Blog e ele disse não. “Fui só um canal de benção na vida dela. Não precisamos divulgar essas coisas”, afirmou.

Publicado em Blog
Segunda, 25 Setembro 2017 15:29

Amado Batista em Sena Madureira

O cantor e compositor Amado Batista chegou hoje ao Acre para participar da festa de 113 anos de Sena Madureira.

Amado atendeu a um pedido especial do senador Sérgio Petecão, que recepcionou o cantor no aeroporto de Rio Branco e o acompanhou até à Princesinha do Yaco.

O show de Amado Batista será hoje, às 19 horas, com entrada franca na antiga pista.

Publicado em Blog

O defensor público Valdir Perazzo Leite desmente a esquerda do Acre que planta desde os anos 1980 a ideia de que as famílias vieram do seringal expulsas pelos “paulistas malvados”. Perazzo escreve ao Blog do Evandro Cordeiro contando a realidade desse êxodo. Veja:

“Desde que cheguei no Acre em 1998 vejo ser lançado sobre o governo Francisco Wanderley Dantas uma infâmia. Diz a esquerda comunista: os "paulistas" malvados expulsaram as pobres famílias dos seringais, que vieram ocupar as periferias de Rio Branco. Mentira! Em 1971 o Brasil estava em pleno Milagre Brasileiro. A economia do país crescia de forma espetacular. O crescimento do PIB oscilava entre 7 e 13 por cento. Era um crescimento chinês. Esse crescimento permitiu que o Brasil fizesse as suas grandes obras de infraestrutura, a exemplo da ponte Tio-Niterói, Itaipu, Transamazônica e muitas outras. Ora, o governo Dantinha coincide com o Milagre Brasileiro. É no governo Dantas que se que se iniciam grandes obras de infraestrutura no Acre. A segunda ponte, o aeroporto Presidente Médici, o asfaltamento da BR 317 até Capixaba, em direção ao Oceano Pacífico, hospitais, escolas, estradas vicinais, a Sanacre, habitações para a população de baixa renda, habitações para o staff do governo, etc. As populações pobres dos seringais falidos não foram expulsas, vieram atrás de educação para filhos, saúde, transporte e empregos, atraídos pelas notícias que a rádio fazia chegar até elas. Os universitários precisam pesquisar esse período sob essa ótica, e não sob a ótica esquerdista de que o capitalismo selvagem promoveu a expulsão. Isto é, precisamos reescrever a história mentirosa que a esquerda contou”.

Publicado em Blog

O governador Tião Viana (PT) instituiu uma espécie de calote nos advogados dativos, que são aqueles chamados para atuar no lugar de defensores públicos, em casos de viagens ou doença. Os valores devidos aos causídicos em alguns casos chegam a ser cobrados na Justiça. A denúncia é de autoria do advogado Leandrius Muniz, que já chegou a sugerir ao atual presidente da OAB, Marcos Vinícius, a realização de uma manifestação em frente a Casa Rosada, para que o governador pague o que deve aos dativos. “É por uma causa dessas que eu vou disputar a presidência da OAB ano que vem”, anuncia Muniz ao Blog do Evandro Cordeiro.  

Publicado em Blog

O vereador N Lima (sem partido) disse estar incomodado com tantos buracos na cidade de Rio Branco, com o caso de corrupção na prefeitura, onde quase toda a diretoria da Emurb foi presa, mas que a imprensa não divulga, problemas ignorados pelo prefeito da capital, Marcus Alexandre, do PT. “Mas o que mais incomoda é que, ao invés de resolver essas coisas, responder pela corrupção na Emurb e tapar buracos, o prefeito não para de fazer campanha para o governo”. Lima se refere as últimas agendas de Alexandre, inclusive fora de Rio Branco, na sua franca pré-campanha para a disputa do Governo do Estado, dirigindo um rolo-compressor do Partido dos Trabalhadores, que usa Estado, prefeituras e Aleac para tentar permanecer no poder.

Publicado em Blog

O ex-deputado estadual Jamyl Asfury, que ainda é filiado ao PEN, agora chamado de Patriotas, está decidido a disputar as eleições para deputado federal, embora não conte mais com a benção da Igreja Batista do Bosque. Agora incerto é o partido pelo qual deverá ir ás urnas. Esses dias ele foi formalmente convidado pelo presidente do PTN, Francimar Asfury, o “homem selfie”, seu primo, para se filiar em ser logo apresentado na Frente Popular como o federal da sigla. A reunião aconteceu na sala do secretário de Saúde do Estado, Gemil Júnior, que deve ser candidato a deputado estadual pelo PTN. Mas Jamyl vai acabar mesmo fechando com o grupo do ex-deputado federal Marcio Bittar, onde estão, além do PMDB, Solidariedade, PTB e PPS. Jamyl só não iria para o PMDB.

Publicado em Blog

O senador Gladson Cameli (PP) deverá prestigiar nesta segunda-feira, 25, a inauguração da usina de asfalto em Sena Madureira, município 244 km distante de Rio Branco, em evento marcado para o início da noite. O senador foi quem se mexeu para alavancar recursos e comprar o instrumento. Satisfeito com a festança dos últimos dias em Sena, onde há inauguração de obras desde a última sexta-feira, numa programação influenciada pelo aniversários de 113 anos do município, Gladson Cameli fez um rasgado elogio, via Blog do Evandro Cordeiro, ao prefeito Mazinho Serafim (PMDB): “A população de Sena Madureira está de parabéns por ter elegido o Mazinho como prefeito. Esse homem nasceu para administrar”.   

Publicado em Blog
Sábado, 23 Setembro 2017 17:13

Reporter Beijoqueiro encontra Aline Rocha

Publicado em Blog

BANNER PP P