Itens filtrados por data: Julho 2017

 

O senador Sérgio Petecão (PSD) disse ao Blog do Evandro Cordeiro que, ao invés de se preocupar com pesquisas, vai continuar carreando dinheiro para as prefeituras do interior do Acre, sem olhar partido. “Quero aproveitar esse momento em que tenho bom trânsito em Brasília para continuar liberando recursos”, afirmou.

A “prospecção” de recursos em Brasília é um trabalho, segundo Petecão, de regrar o que ele plantou em 2016. “Nas eleições de 2016 eu plantei em todo o território do Acre, agora tenho que regrar, porque em 2018 é eleição”, diz.

Sobre a pesquisa de ontem o senador diz que faz muito anos não se preocupa com resultado de pesquisa no Acre. “Tem que respeitar as pesquisas. Manipulá-las é uma coisa que nunca vai dar certo”, assinala Petecão, que acrescenta: “Mais cedo ou mais tarde a verdade vem a tona e desmascara os manipuladores”.    

 

Publicado em Blog

 

Um dos maiores imitadores do Acre, conhecido no meio artístico como Sílvio Santos, quer porque quer uma cadeira na Assembleia Legislativa, a partir de 2019. “Vou ser deputado estadual e lá não quero fazer imitação. Lá vou ser Weverton, preocupado com as pessoas de nosso Estado, cansadas de eleger parlamentares apenas para se locupletarem”, diz ele, se referindo a seu nome de batismo, Weverton Oliveira. Sílvio, que imita bem o dono do SBT, já tem partido. Filiou-se no Solidariedade, cuja presidente no Acre é a Marcia Bittar. E o imitador avisa mais: “Brincadeira tem hora. Lá na Assembleia não é ligar de palhaçada, nem de imitação”.

 

Publicado em Blog

 

A cidade de Cruzeiro do Sul, 600 km distante de Rio Branco, proporcionalmente, já está mais violenta que a capital. Segundo o Blog Tarauacá Agora, do meu colega jornalista Leandro Matthaus, só ontem à noite foram mortas duas pessoas de forma violenta. Com os dois assassinatos desta segunda-feira, 31, já são 17 execuções no segundo maior município do Acre, de janeiro a julho. “É muita morte, muito assalto”, escreve o blogueiro, que critica o secretário de Segurança, Emylson Farias, que ainda quer se lançar na política em 2018.  

O prefeito das cidade, Ilderlei Cordeiro (PMDB), diz que só há uma opção para ele: orar por sua cidade, uma vez que a responsabilidade pela segurança é o Governo do Estado.  

 

Publicado em Blog