22 SP_JUNHO 2018

O empresário Pedro Raimundo, fundador da rede Dayane de supermercados, prestigiou a festa de lançamento da pré-candidatura a deputado estadual do ex-secretário de Saúde do Estado, Gemil Júnior, do PDT. O evento aconteceu nesta sexta-feira, 21, no Afa jardim. Mais de 2 mil pessoas prestigiaram, entre elas o presidente do PDT, Luiz Tchê, o pré-candidato a governador Marcus Alexandre, do PT, e o presidente da Igreja Batista do Bosque, pastor Agostinho Gonçalves, um dos principais apoiadores de Gemil, único representante da denominação nas eleições desse ano.

Pedro do Dayane deverá disputar as eleições esse ano para deputado federal, exatamente pelo PDT. É um nome do partido que está sendo tratado como joia, por que é a primeira vez que ele decide entrar para a política partidária. A ideia é conquistar o mandato de primeira. Para isso ele está prestigiando todos os pré-candidatos a deputado estadual de seu partido. Nesta sexta foi a vez do Gemil Júnior, que na vida espiritual é um dos líderes do ministério de louvor da IBB.      

Leia mais ...
Publicado em Blog
22 SP_JUNHO 2018

Um ônibus da Viação Rio Branco deixou um cadeirante para trás em um trecho da BR-364, segundo distrito da capital do Acre e o internauta Marquinhos Carvalho filmou tudo. Não temos o nome do cadeirante, mas segundo o Marquinhos, ele ficou indignado (e a filmagem confirma) com a empresa, que cobra uma das passagens mais caras do Brasil. É o resultado de empresa que opera a partir de conluio com políticos, como tem sido em Rio Branco, segundo denunciam exaustivamente vereadores de oposição, entre eles Roberto Duarte Jr (MDB) e Lene Petecão (PSD).

Leia mais ...
Publicado em Blog
22 SP_JUNHO 2018

O ex-conselheiro tutelar em Rio Branco Michael Alves dos Santos, professor universitário e pastor evangélico, acaba de aderir as candidaturas majoritárias da oposição, além de algumas proporcionais. Nesse caso ele assume a pré-campanha da publicitária Charlene Lima (PTB) a deputada federal e na majoritária a da reeleição do senador Sérgio Petecão (PSD). “Chegou a hora de mudar a história do Acre, fazer acontecer aquela alternância de poder tão necessária”, justifica o professor, um ex-militante de esquerda decepcionado com os rumos tomados no Brasil e no Acre decorrentes de governos de esquerda.

Leia mais ...
Publicado em Blog
22 SP_JUNHO 2018

O fechamento da fábrica de camisinhas Natex e a óbvia demissão de servidores, mais de cem empregos diretos e indiretos, enterra consigo a “viagem” que foi a “Florestania”, o arquétipo de economia defendido pelo PT nos últimos 20 anos no Acre. A análise é do deputado estadual Antônio Pedro (DEM), diretamente interessado no assunto porque é morador de Xapuri, onde estava a fábrica e, obviamente, é vizinho dos novos desempregados com o encerramento dos trabalhados da empresa.

Erguida sob forte apelo ambiental, há dez anos, nos arredores da cidade onde nasceu e viveu Chico Mendes, a fábrica de preservativo era o símbolo da florestania. Diante de representantes de organismos internacionais de defesa do meio ambiente o Governo do Acre apresentou a ideia como se fosse a salvação da economia do Acre. Era tudo um sonho, segundo o deputado. Uma “viagem” que custou caro aos cofres estatais e que acaba de arruinar dezenas de famílias cujos membros perderam seus empregos.

Antônio Pedro relata que a fábrica de camisinhas não é o único empreendimento do Estado a falir, numa prova inequívoca de que o PT matou a economia do Estado ao tentar ser empreendedor. “O Acre já sabe que tudo o que eles montaram anunciando como grandes empreendimentos faliu. Basta lembrar da fábricas de peixes, da de tacos, enfim... Essas empresas só serviram para extorquir pessoas para votar nos candidatos deles”, diz o parlamentar.             

Leia mais ...
Publicado em Blog
22 SP_JUNHO 2018

A morte recente de pelo menos duas pessoas de forma estranha no Pronto Socorro de Rio Branco levou o deputado estadual Luiz Gonzaga (PSDB) a iniciar um processo de investigação para tentar descobrir o que há por trás de ocorrências tão curiosas. As mortes teria sido da mesma forma e o Governo escondeu da imprensa. O parlamentar disse que entrou no caso por duas razões, pelo menos: é que podem ter ocorrido outras cinco mortes nas mesmas condições e o fato de maioria das vítimas serem pessoas humildes, algumas da zona rural. “Pode estar se proliferando no Pronto Socorro uma bactéria superpoderosa que estaria matando gente e eu senti necessidade de entrar no caso porque só morreram pessoas muito humildes, que nunca vão procurar seus direitos. Depois o Governo está tentando esconder isso”, disse agora há pouco o deputado ao Blog do Evandro Cordeiro.         

Leia mais ...
Publicado em Blog

BANNER PP P